Confira os trabalhos selecionados para o XI Congresso

A Abrapcorp divulgou nessa terça-feira, 25/04/17, os trabalhos aprovados para o XI Congresso que ocorrerá no próximo mês de maio.

Acesse aqui ou confira abaixo o resultado:

GP 1 – Comunicação, Pesquisa, Ensino

 

Sessão 1: Reflexões sobre pós-graduação e graduação – metodologia e aprendizagem, ensino e educação

 

Qualificação profissional: análise do DINTER PUCRS/UFMA

Esnel José Fagundes e Silvio Rogério Rocha de Castro (UFMA)

 

Método e metodologia: as imprecisões conceituais em teses de doutorado

Cleusa Maria Andrade Scroferneker, Fernanda Luz Moraes, Luciana Buksztejn Gomes, Renata Cássia Andreoni de Souza (PUCRS)

 

O desenvolvimento de competências interculturais no ensino-aprendizagem em Relações Públicas: o Programa “Da Classe ao Mercado” na UNESP/BAURU

João Gabriel Carnaiba Santos e Alana Nogueira Volpato (UNESP)

 

A cultura da informação nos ambientes organizacionais: uma proposta de leitura sistêmica do ensino de Comunicação

Marcelo de Barros Tavares e Larissa Bortoluzzi Rigo (UniRitter)

 

Comunicação e Educação nas organizações: novas interfaces de conhecimento

Keynayanna Kessia Costa Fortaleza e Patrícia Ruas Dias (PPGCOM/PUCRS)

 

Sessão 2: Reflexões sobre teorias e práticas – distinção e interação, campo e competências

 

Comunicação organizacional: descompasso entre teoria e prática, um pensar e um fazer em processo de aproximação

Isaura Mourão (PPGCOM/UFRGS)

 

Distinção: estratégia de conversão da prática de evento em dispositivo de distinção da organização no espaço social

Maria do Carmo Prazeres Silva (UFMA)

 

Os estudos das representações sociais e suas contribuições para o entendimento das estratégias de interação no contexto das organizações

Douglas Aparecido Ferreira (PUC-MG)

 

Elementos para uma história social do campo da comunicação organizacional (2001-2015)

Talles Rangel Rodrigues (Rede Bandeirantes de Televisão)

 

Latin American Communication Monitor 2016/2017: levantamento das competências e salários dos profissionais de Comunicação e Relações Públicas da América Latina

Andréia Silveira Athaydes e Gustavo Eugênio Hasse Becker (ULBRA)

 

GP 2 – Comunicação, Inovação, Tecnologias

 

Sessão 1: As organizações nas mídias digitais: desafios e oportunidades

 

Até onde vai o conteúdo de oportunidade? Como o contexto vem ocupando espaço nas mídias sociais e gerando polêmicas

Carolina Frazon Terra

 

Influenciadores digitais: conceitos e práticas em discussão

Issaaf Santos Karhawi (USP)

 

Novas Formas de Expressão e Comunicação nas Organizações: Impactos nas Relações de Trabalho a Partir das Interações em Grupos e do Uso da Linguagem dos Emojis por Meio do Whatsapp

Fabiana Moreira Gaviolli

 

Visibilidade organizacional no contexto das mídias sociais digitais: reflexões teóricas e dados sobre a presença da UFSM no Facebook

Daiane Scheid (UFSM)

 

Organizações, Cibercultura e Memes: Uma Análise da Estratégia de Comunicação Adotada Pela Universidade Federal do ABC no Facebook

Alessandra De Castilho e Mariella Batarra Mian (Universidade Federal do ABC)

 

INBOUND PR: a Comunicação Sincronizada que pode gerar Reputação e Vendas Simultaneamente

Ariane Sefrin Feijo

 

Sessão 2: Contexto digital da comunicação nas organizações – aspectos teóricos e práticos

 

De que forma as relações públicas podem ser estratégicas na contemporaneidade? Uma proposta de modelo estratégico para a atividade

Bianca Marder Dreyer

 

(Re)discutindo a Assessoria de Comunicação no Contexto da Sociedade Midiatizada

Elisangela Lasta (Uniritter)

 

Curadoria de conteúdo na comunicação contemporânea: muito além do Ctrl+C e Ctrl+V

Joao Francisco Raposo e Silva

 

Design de experiência: novas abordagens para os estudos de consumo em tempos de conexões digitais

Camila Maciel Campolina Alves Mantovani

 

Produção Científica em Comunicação Organizacional e Relações Públicas: uma breve análise da experiência de busca, navegação e acesso aos Anais publicados no site Abrapcorp

Gisela Maria Santos Ferreira de Sousa (Universidade Federal do Maranhão)

 

GP 3 – Comunicação, Identidade, Discursos

 

Sessão 1: Comunicação e práticas discursivas

 

O poder da carnavalização no “mundo às avessas” das marcas organizacionais: linguagem e dimensão comunicativa

Ronaldo Mendes Neves e José Zilmar Alves da Costa (UFRN)

 

Os heróis na memória organizacional

Diego Pereira da Maia e Karla Maria Müller (Fundação Theatro São Pedro)

 

Porto Maravilha: memória nos discursos da marca Rio

Flávia Barroso de Mello (UERJ)

 

Indicadores de sustentabilidade como valor para as organizações: estratégias discursivas de mineradoras em guias e relatórios

Angela Maria Zamin e Thays Wolfart (UFSM, Campus Frederico Westphalen)

 

Os sentidos do termo diálogo acionados em relatórios GRI

Monica Carvalho de Oliveira e Rudimar Baldissera (UFRGS)

 

Sessão 2: Comunicação e identidades

 

Organizações risíveis: a carnavalização de marcas no programa Tá no Ar da Rede Globo de Televisão

Antônio Freire da Silva Neto e Alexandre Ferreira Mulatinho (FUNPEC)

 

Aquarelas do Brasil: um estudo sobre as campanhas internacionais de comunicação e o turismo no Brasil

Ana Teresa Gotardo e Ricardo Ferreira Freitas (UFF)

 

Ocupantes ou invasores? A identidade estudantil nos movimentos de ocupação da UFMG

Marlene Machado (PUC Minas) e Fábia Pereira Lima (UFMG)

 

Narrativas da experiência na comunicação organizacional

Emiliana Pomarico Ribeiro

 

O espírito do capitalismo na Harvard Business Review Brasil: sentido e propósito ao trabalho nas organizações

Aline Lima Brandão (IBMEC-RJ / UERJ)

 

Sessão 3: Comunicação e discursos midiatizados

 

A lógica social midiatizante das marcas: um estudo do projeto planeta sustentável

Vânia Penafieri (Faculdade Cásper Líbero)

 

Comunicação de Crise e Relações Públicas: Estratégias e Contratos de Comunicação da Petrobras, O Globo e Planalto em seus Blogs

Jones Machado (UFSM)

 

O papel estratégico da comunicação na construção e manutenção da reputação organizacional: uma proposta de alinhamento entre organizações e públicos

Adelina Martins De La Fuente e Juliane Cristina dos Reis (PUC Minas)

 

Keep Playing #Likeagirl: Fluxos mercadológicos, institucionais e políticos no discurso da igualdade de gênero através do esporte

Vanessa Cardozo Brandão e Fábia Pereira Lima (UFMG)

 

Porto Maravilha e fan fest no Boulevard Olímpico: a cidade como plataforma para ativação de marcas na Rio 2016

Maria Helena Carmo dos Santos e Alessandra de F. Porto (Faculdades Integradas Hélio Alonso)

 

GP 4 – Comunicação, Responsabilidade Social, Cidadania

 

Sessão 1: Relações Públicas Comunitárias, Terceiro Setor e Cidadania

 

A Ciência Cidadã no Brasil: um estudo de caso de engajamento público na pesquisa ambiental

Aline Bastos (Universidade Federal de Minas Gerais)

 

Comunicação Comunitária como Estratégia das Ações de Políticas Públicas: Uma Questão de Cidadania

Analu Schmitz Horlle (Universidade de Santa Cruz do Sul/ UNISC)

 

Quem fala em nome de quem e com qual autoridade nos movimentos sociais?: um estudo sobre a representação política não eleitoral no movimento social dos surdos

Regiane Lucas de Oliveira Garcêz (Universidade Federal do Minas Gerais)

 

Discursos excludentes da Escola Carlin Fabris diante da comunidade local: uma análise a partir de Lyotard e Heidegger.

Milene Montemesso Cunico

 

Informação e Cidadania: uma análise dos projetos artístico-culturais desenvolvidos pela Ong – Centro Cultural Piollin, na perspectiva da gestão da informação.

Bruno de Araújo Ribeiro; Júlio Afonso Sá de Pinho Neto (Universidade Federal da Paraíba)

 

Sessão 2: Políticas públicas, Gestão da Comunicação e Responsabilidade Social

 

Desenvolvimento da cultura de integridade: Um estudo de caso sobre a implantação de uma política de compliance

Agatha Camargo Paraventi; Daiana Bragueto Martins, Veronica Mussi dos Santos (Faculdade Cásper Líbero)

 

Relações públicas e a gestão de idade (GI): o envelhecimento bem sucedido no local de trabalho

Denise Regina Stacheski (Universidade Tuiuti do Paraná)

 

O não-lugar da comunicação comunitária: um estudo sobre a estratégia de comunicação aplicada ao Programa Minha Casa Minha Vida em Salvador/BA

Rodrigo Maurício Freire Soares (Universidade Do Estado Da Bahia)

 

O Twitter como ferramenta de comunicação organizacional para mobilização do Fórum Nacional de Democratização Nacional da Comunicação

Mônica Santos Martins (Senac)

 

A responsabilidade social das organizações diante do impacto da sua comunicação na sociedade conectada e participativa: uma análise dascampanhas da Skol e da Alezzia

Mariana Carareto Alves; Renata Calonego

 

GP 5 – Comunicação, Políticas, Estratégias

 

Sessão 1: Comunicação, Trabalho, Ética

 

Reflexões sobre a Comunicação Organizacional e a Racionalidade Habermasiana

Giovanna Migotto da Fonseca Galleli (Universidade Estadual de Londrina) e Marlene Regina Marchiori

 

Organizações, Poder e Discurso: Implicações do Discurso Empreendedor no Ambiente Interno das Organizações

Juliane Cristina dos Reis (Pontifí­cia Universidade Católica de Minas Gerais)

 

Comunicação Disciplinar na Gestão do Trabalho: Práticas dos Gestores Para a Manutenção do Sistema Produtivo Pós-industrial

Cássia Aparecida Lopes da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)

 

Comunicação e Relações Públicas: O Fundamento e a Estratégia da Confiança na Relação Líder-Liderado

Cibelli Maria Pinheiro de Almeida (Universidade do Minho)

 

Colaborador e coworking, exemplo de estratégias do discurso neoliberal no século XXI

Marlene Branca Sólio (Universidade de Caxias do Sul)

 

Do publieditorial ao jornalismo patrocinado: os desvios éticos da comunicação de marca

Wilson da Costa Bueno (Universidade Metodista de São Paulo)

 

Sessão 2: Públicos, Políticas e Processos

 

Trabalho na Comunicação no Interior de Minas Gerais

Janaina Visibeli Barros (Universidade de São Paulo)

 

Dimensões do diálogo reveladas pelas interações dialogicamente geridas e espontâneas nas práticas comunicacionais da Vale

Rosângela Florczak (ESPM e Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) e Cleusa Maria Andrade Scroferneker (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)

 

Stakeholders na Percepção da Área Nuclear no Brasil

Tariana Brocardo Machado (Universidade de São Paulo)

 

Responsabilidade Social como Estratégia de Gestão de Crises: Estudo das Interfaces entre Narrativas Organizacionais, Opinião Pública e Reputação.

Sergio Andreucci (Faculdade Cásper Líbero)

 

A influência da comunicação organizacional e da cultura nacional no processo de internacionalização de multinacionais brasileiras

Denise Pragana Videira (Universidade de São Paulo)

 

A Comunicação no Contexto Organizacional Contemporâneo: questionamentos que nos inquietam.

Fernando Carara Lemos (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)

 

Sessão 3: Métodos e Práticas

 

Comunicação e Comprometimento no cooperativismo de crédito: uma análise a partir da Escala de Bases do Comprometimento Organizacional

Maura Padula (Pontifícia Universidade Católica de Campinas)

 

O medo de errar: a influência da comunicação e do poder na Cultura de inovação em multinacionais brasileiras

Leila Gasparindo (Trama Comunicação e Universidade de São Paulo)

 

Avaliação da Aplicabilidade de Metodologias de Gerenciamento de Projetos na Comunicação Organizacional

Rafael Figueiredo Cruz e Silva (Petrobras)

 

A Metodologia da Comunicação Estratégica Difundida pela Escola de Comunicação da Universidade Nacional de Rosário: sua aplicação em uma Instituição de Ensino Superior

Maryangela Aguiar Bittencourt (Universidade do Estado do Amazonas)

 

A comunicação e a aprendizagem como catalisadoras de leituras de mundo sobre a inovação nas organizações 

Tainah Schuindt Ferrari Veras e Maria Eugenia Porem (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho)

 

GP 6 – Comunicação Pública, Política, Governamental

 

Sessão 1: Comunicação Pública e Aspectos Conceituais

 

Práticas comunicacionais do Tribunal de Justiça? RS na web: estímulos à comunicação pública

Patrícia Milano Pérsigo (UFSM)

 

O papel do Relações Públicas na comunicação pública de organizações de pesquisa socioeconômica: uma discussão teórica

Solange Prediger

 

A Comunicação Pública das Universidades Federais à Luz da Lógica Dominada pelo Serviço: uma Agenda de Pesquisa

Inara Regina Batista da Costa (UFAM)

 

Relações Públicas e Comunicação Pública: olhares sobre as pessoas com deficiência
Mariany Schievano Granato (UNESP)

 

Informação ativa e empoderamento social

Mariângela Furlan Haswani (USP)

 

Sessão 2: Comunicação Política e Governamental e Interação Midiática[v1]

 

Diplomacia Pública: Interdisciplinaridade e a Aplicação da Teoria da Excelência em Relações Públicas

Camila Verbisck Alcantara Bonfim (USP)

 

Reflexões sobre as organizações: um breve olhar sobre as agências reguladoras brasileiras

Daniela Firmino Cidade (Concessionária da Rodovia Porto Alegre AS)

 

O Desafio Da Comunicação Governamental Nas Cidades Brasileiras: Uma Visão Acerca do Cenário Digital

Roberto Gondo Macedo  / Leonardo Casalinho Duarte (UPM)

 

Condições de publicidade na accountability do poder público para os cidadãos: tensões na construção da credibilidade da Comforça de Venda Nova

Jessica Antunes Caldeira

 

O papel do estado em situações de risco: a comunicação e a garantia ao acesso à informação pública do risco.

Milene Rocha Lourenco

 

Sessão 3: Comunicação, Movimentos Sociais e Democracia

 

Diálogo temático on-line e condições de racionalidade comunicativa: uma relação revelada na oferta de consultas públicas digitais no RS

Luciana Saraiva de Oliveira Jeronimo (UFMA)

 

A comunicação de resistência e a estratégia de visibilidade da FEE através do movimento @emdefesadaFEE

Denise Avancini Alves, Fiorenza Zandonade Carnielli, Sandra Bitencourt de Barreras (PUCRS)

 

A prática da comunicação comunitária com viés de mobilização social nos movimentos populares e a inserção desses atores no processo de comunicação pública

Anaíle Terumi Moura

 

Movimentos Sociais e Internet: A Atuação do Fórum Nacional de Democratização da Comunicação (FNDC) nas Redes Sociais Online

Renata Calonego, Natalia dos Santos Gonzales

 

Ativismo em risco na Internet: uma reflexão sobre atos ilegítimos de ciberativismo durante eventos políticos no Brasil

Heitor Pinheiro de Rezende e Luiz Alberto de Farias (Anhembi Morumbi/USP)

 

ESPAÇO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA – EIC

 

O Plano de Comunicação Interna: da formulação à implantação na área de Recursos Humanos de uma Empresa Pública do Distrito Federal

Autor principal: Beatriz Castro Avelar

 

Identidades e fatores de identificação em projetos de mobilização social: o caso do programa ?escravo, nem pensar!?

Autor principal: Ariadna Silva Ferreira

 

A influência da cultura no modelo de gestão organizacional: análise do programa De la clase a la cuenta/Da classe ao mercado da UNESP/Bauru e Universidade de Sevilha.

Autor principal: Ariane Harbekon Nogueira

 

As Organizações Brasileiras e a (Re) Significação das Ouvidorias Virtuais: proposição de uma metodologia de análise

Autor principal: Luiza Rocha Lima

 

Conceitos de Jornalismo e Publicidade na Construção Discursiva das Relações Públicas

Autor principal: João Paulo Brito Alves

 

Relações Públicas no Cenário Internacional

Autor principal: Scarlet Alencastro Vanin Dutra de Souza

 

Comunicação Organizacional e Cooperativismo de Crédito: Análise das Centrais Sicoob de Minas Gerais

Autor principal: Guilherme Luis Rosa da Silva

 

A comunicação organizacional e a efetividade dos canais sob a ótica dos públicos essenciais: um estudo de caso

Autor principal: Julia de Almeida Haber

 

Ordem e Progresso? A Carnavalização da Nova Marca do Governo Federal

Autor principal: Dannilo de Loiola Pessoa Bezerra Lins

 

As Estratégias de Comunicação da Netflix: A utilização do Facebook no relacionamento com os usuários

Autor principal: Ana Carolina Medeiros Paim

 

House of Cards e a manipulação da opinião pública por meio do discurso estereotipado de um personagem político

Autor principal: Camila Bocasanta Cousandier

 

Os governantes e a administração da imagem em redes sociais nos períodos de crise: um estudo de caso sobre a fanpage de Dilma Rousseff no processo de impeachment

Autor principal: Thayanne Nascimento

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s